Brasileiros optam por camisetas não-oficiais da seleção

  • 26/junho/2018

Esperançosos ou não com a vitória da Seleção Brasileira na Copa do Mundo na Rússia, a maioria dos brasileiros possui ou tem a intenção de comprar uma camiseta que represente o uniforme do time, mesmo que esta seja não oficial. Esse é um dos apontamentos de um mapeamento do Ibope Conecta a partir de uma pesquisa com 770 internautas brasileiros a partir de 18 anos e das classes ABC realizada entre 13 e 15 de junho.

Ao menos 20% dos entrevistados dizem ter adquirido uma camiseta e 36% conta que pretende comprar para torcer (50%), porque é a mais bonita entre a de todas as seleções (33%), porque gosta de um jogador em específico da equipe (7%) e porque acredita que é o time que vai ganhar o mundial, caso de 4% dos internautas. Os números juntos superam os 44% que negaram a intenção de compra. Os uniformes que o público tem ou deseja ter se dividem entre a camisa oficial (50%) e as não-oficiais (50%).

As duas opções da camisas da seleção lideram no ranking dos uniformes mais bonitos, segundo a opinião dos entrevistados. A primeira delas, usada no primeiro jogo do Brasil, tem 23% dos votos e a segunda (azul) teve 15% deles. A da seleção nigeriana ficou em terceiro lugar (5%) e a do Panamá em quarto (3%). No entanto, quem comprou optou pelas duas do Brasil e a da Austrália.

O Ibope Conecta também levantou quais e onde os brasileiros assistem aos jogos. A maioria (37%) acompanha todos que consegue, 23% só assiste aos do Brasil e 18% diz ver um ou outro, sem critério. Apenas 14% afirmaram assistir a todas as partidas do evento e 10% não acompanha nenhum. A casa de amigos e família é o principal ponto de encontro para a transmissão das disputas de cerca de 65% do público. Além deles, 16% acompanha aos jogos sozinho, 9% no bar e 6% em espaços públicos.

comentários

entre em
contato

NOME:
E-MAIL:
TELEFONE:
ÁREA DE ATUAÇÃO:
MENSAGEM